Notícias

Diretor do Aeroporto solicita regulametação de projeto de lei

 

O diretor do Aeroporto Regional Capitão Aviador Fernando Barbosa, Nilton Villani, esteve reunido no dia 2, com o presidente da Câmara Municipal, Dr. Reginaldo/PCdoB, solicitando a efetivação da regulamentação do projeto de lei que institui a construção de hangares existentes e os que serão futuramente construídos.

Segundo Nilton, este ato culminará com a maior efetivação e funcionabilidade do aeródromo, oportunizando assim para que diversas empresas possam se instalar em nosso município tendo um espaço próprio para estacionar e guardar suas espaçonaves. “Com esta medida todas as ações sócio-econômicas, culturais e também educativas, utilizando-se também de recursos para que resgates médicos emergenciais possam ser feitos para outros estados onde a metodologia e as técnicas médicas são mais avançadas, proporcionando assim cirurgias de emergências e assistência médica mais efetiva”, enfatiza o diretor.

Foi firmado um termo de convênio para administração, operação, manutenção e exploração do aeródromo de Formiga, entre o Comando da Aeronáutica e a Prefeitura Municipal de Formiga, aprovado pelo Diretor Geral do DAC, Major Brigadeiro Jorge Barreto Nery, de acordo com este termo a prefeitura procederá a regularização das áreas e benfeitorias ocupadas atualmente por terceiros no aeródromo. Sendo que GEAER – órgão ligado a serviços aeronáuticos tem como finalidade aprovação de parecer técnico relativo a vistoria desses mesmos hangares e também em relação a segurança dos vôos realizados no aeroporto.

O presidente da Câmara enfatizou que tal medida é de extrema importância para o município, visto que Formiga estrategicamente e geograficamente situada num pólo central onde o aeroporto tem a função de estar situado estrategicamente, podendo atender 8 cidades da região Centro-Oeste.

O diretor do aeroporto fará uso da tribuna da Câmara em reunião ordinária ainda este mês, onde será explanado aos vereadores a atual situação do aeroporto e mecanismos para melhorias de acordo com parecer técnico Nº. 101 – SRE3/2004, do III COMAR – SERENG-3.

Acessibilidade
%d blogueiros gostam disto: