Notícias

Câmara aprova doação de terrenos para cinco empresas

Ao votarem projetos, vereadores destacaram a importância de incentivo à expansão das empresas e, consequentemente, da oferta de emprego no Município

 

Durante a reunião ordinária da Câmara Municipal realizada nesta segunda-feira, dia 26, uma ideia era comum entre os vereadores: somente por meio do incentivo à expansão de empresas que o Município conseguirá gerar novos empregos e mais renda para os formiguenses. Com esse entendimento, o Legislativo aprovou cinco projetos de lei que autorizam o Município a doar terrenos para empresas que pretendem ampliar suas atividades.

A primeira empresa a ter aprovada a solicitação de lote foi a 2000 Comércio de Materiais para Construção e Decoração. A área a ser repassada para a empresa tem dois mil metros quadrados e é situada à Avenida Maria Amélia de Oliveira, no Distrito Industrial José Luiz Andrade.

Na mesma via, receberá um terreno de 40 mil metros quadrados a Comercial Azevedo. Segundo justificativa que acompanha o projeto de lei, a empresa apresentou plano de ampliação com previsão de investimento de aproximadamente R$ 10 milhões nos próximos dois anos e geração de cem empregos diretos.

Também no Distrito Industrial José Luiz Andrade, a Tyrebrás Reconstrução de Pneumáticos receberá um terreno de três mil metros quadrados, que será utilizado na ampliação das atividades.

Os outros terrenos doados ficam no Distrito Industrial José Luiz Andrade II. A RA Industria e comércio receberá os lotes 9 e 10, que são conseguintes à área já ocupada pela empresa. A RA apresentou plano de ampliação que prevê investimento de, pelo menos, R$ 1 milhão nos próximos dois anos e geração de 50 empregos diretos no Município.

Para a F&F Equipamentos de Ginástica e Musculação, a Prefeitura doará uma área de quatro mil metros quadrados, que compreende o lote 1 da Quadra C e a área remanescente 1B, que são contíguos ao atual terreno da empresa.

A rápida apreciação e votação dos projetos por parte dos vereadores demonstra o compromisso da Câmara em apoiar o desenvolvimento econômico do Município, assim como os novos meios de criação de emprego e renda.

 

Tramitação

 

Durante a reunião de segunda-feira, entrou em tramitação na Câmara o Projeto de Lei 130/18. Ele autoriza o Município a doar à sociedade empresária ECO Reciclagem Empresa de Destinação de Resíduos Sólidos um imóvel para ampliação de suas atividades.

Segundo a proposta, serão repassados à empresa dois terrenos que perfazem 14.975 metros quadros. Ambos estão localizados no Distrito Industrial Myrtô Albergaria Pieroni.

Na justificativa que acompanha o projeto, é explicado que a ECO planeja instalar uma usina de reciclagem de pneus inservíveis com capacidade de triturar quatro mil toneladas por mês. Tal atividade gerará 13 novos empregos diretos no Município.

Acessibilidade
%d blogueiros gostam disto: